Administração Pública deliberativa: “Cidadão não é cliente”

joaquin_150614

Professor espanhol Joaquin Brugé. Foto de Antônio More/Gazeta do Povo

O Professor da Universidade de Barcelona, Joaquin Brugé, especializado em Administração Pública deliberativa, que deu palestra no IMAP – Instituto Municipal de Administração Pública em Curitiba, concedeu entrevista para a Gazeta do Povo, na qual defende a Administração Pública deliberativa e que as pessoas sejam tratadas como cidadãos e não clientes, em clara posição contrária ao gerencialismo-neoliberal. Veja a entrevista publicada ontem, clique aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s