Disney e a lavagem cerebral nas crianças

tomorrowland_disney_logo copy

Há algum tempo tive que assistir uma palestra, por determinação de uma instituição privada de ensino, do colunista da Veja e economista Claudio de Moura Castro. Sem enrubecer o rosto, e sem qualquer análise crítica, ele simplesmente disse que o maior educador de todos os tempos não foi Jean Piaget, Lev Vygotsky ou Paulo Freire, mas sim Walt Disney.

É óbio que é uma afirmação equivocada. Me parece claro que há dezenas de outros educadores e educadoras que poderiam estar na lista de maiores educadores, e não Disney.

Mas, infelizmente, em nossa sociedade do capitalismo neoliberal a imagem é mais importante do que o conteúdo, o ter é melhor do que o ser, o interesse privado egoístico é privilegiado com relação ao interesse público e coletivo.

Em nossa sociedade na qual poucos conglomerados dominam a mídia mundial, e os meios de comunicação monopolísticos e grandes empresas de mídia digital dominam o que a maioria de nossas crianças, adolescentes e adultos vão saber, debater, acreditar e pautar suas vidas.

20150406__AP-US-Film-Inside-Out-p6

Nos últimos dias assisti a dois longa-metragens da Disney-Pixar, e nas duas o mundo perfeito seria “sem políticos e sem burocracia”.

Isso mesmo, desenhos e filmes com indicação livre ou 10 anos, que serão assistidos por milhões de crianças e adolescentes, e seus pais que transferem a educação de seus filhos para a TV e celular, pautam no sentido de que uma sociedade perfeita não terá políticos e nem burocracia!

Não, esses desenhos não pregam uma sociedade anarquista ou comunista, sem Estado, sem desigualdades, sem injustiças, sem exploração do homem pelo homem, com uma radical democracia direta e deliberativa, sem capitalismo. Pelo contrário.

Os desenhos, filmes e programas de TV mostram que não podemos confiar em governos, em Estados, em burocracias, em políticos. Podemos confiar em grandes empresas privadas, eficientes, íntegras, que garantam os interesses da sociedade.

Note-se que meu questionamento não é contra quem fiscaliza, critica, cobra dos políticos. Isso eu defendo, isso é política! O que abomino é acreditar que em uma sociedade perfeita devamos exterminar os políticos.

O que seria uma sociedade sem políticos? Seria uma nação sem eleições, sem Democracia, sem participação social, sem política. Uma sociedade na qual existiria um indivíduo iluminado, ou um grupo restrito de sujeitos, que não seriam políticos, mas gerentes eficientes. Resumindo: seria uma ditadura.

O que seria uma sociedade sem burocracia? Para começar, para que serve a burocracia? Burocracia serve para que você tenha direito ao contraditório e ampla defesa junto ao Poder Público; que para você ser contratado pelo Estado participe de um concurso público isonômico e que a Administração Pública tenha servidores profissionalizados; que para sua empresa privada ser contratada pelo Poder Público, participe de uma licitação; que você saiba como a Administração Pública vai se portar em assuntos de interesse público, com prazos fixados em lei, sem surpresas, sem preferências injustificadas. Enfim, burocracia serve para tentar acabar com o patrimonialismo, a corrupção, o clientelismo, o nepotismo, etc. Procedimentos inúteis, ineficientes, contrários ao interesse público, não é burocracia, mas o que não foi implementado a contento da burocracia, é “burrocracia”.

O que seria um mundo sem políticos e sem burocracia? Seria uma ditadura patrimonialista, em que poucos e gigantescos conglomerados privados e indivíduos iluminados pautariam a sociedade. É essa a lição que tiramos hoje dos filmes da Disney e demais meios de comunicação da chamada “velha mídia”.

timthumb.php-2

Anúncios

10 comentários sobre “Disney e a lavagem cerebral nas crianças

  1. Jesus…você enxerga teorias conspiratórias em tudo!! Que vida infeliz!! As coisas são o que são, nem maiores, nem menores. Disney é entretenimento, de altíssima qualidade e deveria ser acessível para mais pessoas no nosso país, caso não estivéssemos na Idade Media, caso as capitanias hereditárias já tivessem sido eliminadas, caso tanta coisa fosse diferente no nosso país. O que altera o futuro das nossas crianças, para pior, certamente não é a Disney, mas sim políticos como os nossos, que roubam o futuro de milhões. Se mude para Cuba, lá você talvez seja feliz, vá viver, desopile o fígado.

    Curtir

  2. É o sonho da nova midia progressista e real onde só se mostrariam coisas “boas” para quem esta no poder, notícias para enganar o povo ao estilo Goebbels, para controlar e dominar a população.
    Faça o favor… até parece que não sabe que quem está no poder sempre tenta propagar suas teses.
    Ou talvez vc quisesse que a disney fizesse um filme enaltecendo a revolução bolivariana em Cuba, o horoísmo de Che Guevarra, a sanha predatória de Chaves…
    Dica: no mundo de faz de conta os bandidos se dão mal…

    Curtir

  3. Quanto à lavagem cerebral, sabemos que ela ocorre por meio da mídia e é especialmente direcionada às crianças, ainda que para os adultos ela também ocorra, por meio dos noticiários. O que me parece equivocado é a sua ideia de que em uma sociedade “perfeita” deveria haver políticos ou democracia. O oposto de democracia não é ditadura, mas sim comunismo, onde todos assumem suas responsabilidades individuais como saúde, educação e segurança ao invés de delegá-las a políticos, sejam estes eleitos ou não, e às instituições centralizadas que estes comandam.

    Uma sociedade “perfeita” seria uma na qual cada um de nós assume suas responsabilidades integralmente, o que tornaria o Estado, o governo e os políticos supérfluos, bem como as instituições. Não haveria caos, mas sim auto-gestão, sem “direitos humanos” para proteger criminosos, mas com respeito e tolerância mútuos. Não teríamos milionários, mas também não existiriam miseráveis. A maioria dos problemas seria solucionada como efeito colateral, uma vez alcançado o comunismo. Caos é o que temos hoje, e pergunto: pode piorar muito mais? Os frutos do seu trabalho pertenceriam somente a você, e não seriam tomados por um governo-sanguessuga (de “esquerda” ou de “direita”) e seus parasitas a troco de “melhorias” imperceptíveis.

    Onde quer que haja Estado e instituições centralizadas, haverá corrupção, logo não se elimina esta sem eliminar ao Estado. Empresas privadas não resolvem o problema, tampouco o “mercado”, pois “o poder absoluto corrompe absolutamente”, não importa em quais mãos ele esteja. O mesmo vale para o socialismo. Neste, você também delega suas responsabilidades, logo não pode esperar que não apareçam problemas.

    Curtir

  4. Quac !!!!! faz milenios, Tarso, Ariel Dorfman escreveu a mesma bobagem em uma obra chamada “para ler o pato donald”, criticando o capitalismo, falando em lavagem cerebral e demonizando tio patinhas e cia….Se voce ler a biografia de Disney e se interessar um pouco pela história dos estados unidos, um país que premia a produção e aqueles que produzem, estimula a educação e a competição, verá que Disney era pobre, chegou em hollywood sem sequer sapatos, que emprestou, e com esforço e muita criatividade , Disney só trabalhou, ao contrário de alguns que hoje vivem dos impostos do povo, e nas organizações Disney nunca teve corrupção admitida no balanço….é isso Tarso….Disney teve o incentivo de um país em que o governo prende corruptos ao invés de defende-los e no qual o governo não escorcha a produção com impostos absurdos sem qualquer retorno, no qual marxistas leninistas e outros dinossauros nao tem vez, isso, nesse país desenvolveu-se a poderosa Disney, que gera milhões de empregos, renda, e é a MECA DE BRASILEIROS, INCLUSIVE OS PETISTAS ! que aliás, vão para lá para fugir dos imensos impostos do governos, isso mesmo, varios “companeiros” fogem de impostos comprando em miami, e já estendem pra Orlando… vai negar..? Aliás, Tarso, voce deveria então ser sincero com seus leitores e responder…você já foi pra Disney ? Se sim….e foi lá fazer o que ? estudo sociológico ??? como diria o pato Donald…QUAC !!!!

    Curtir

    • É exatamente isso é o Tarso, se não foi, uma hora ou outra irá à Disney, nem que seja para agradar os filhos. O discurso dele é muito fora de contexto.

      Curtir

  5. Eu não sofro lavagem cerebral por ningúem parem vocês blogueiros engajados de achar que as pessoas não tem senso critico….lavagem é querer dizer que corruptos são inocentes porque não tinham domínio do fato…ha ha ha….eu leio o que quero, penso o que quero, e me divirto lendo blogs de dinossauros que pensam que vivem no século 18 na luta de classes, é muito divertido ver esquerdistas tentando no século 21 manter seu discurso, não convencem nem o povão que vota em peso na direita, vide a formação do congresso e tudo que a Dilma vem fazendo…o governo Dilma é de direita, é isso que petistas não engolem, e sabem que em 2018…..bua baauu bauuu, se não for antes….

    Curtir

  6. Parece que a Dilma frequentava a Disney, junto com o Palocci, Dirceu, Lulla e Genoíno. Será que foi isso quee transformou essa gente no que são?

    Curtir

  7. A Disney tem uma personagem chamada Anastasia, que seria a filha do czar Nicolau II, distorcendo totalmente a história a respeito da revolução russa. Trazendo a revolta popular dos bolcheviques como uma maldição de um bruxo.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s