Veja nova bomba contra o deputado Francischini (PSDB/PR)

Curta o Blog do Tarso no Facebook aqui

Não posso falar mal do Fernando Francischini (PSDB) porque caso contrário o deputado federal truculento me bate e me processa. Mas recomendo leitura de mais uma bomba contra o deputado publicada no site da jornalista Lucia Pacci, clique aqui.

Curta o Blog do Tarso no Facebook aqui

Anúncios

5 comentários sobre “Veja nova bomba contra o deputado Francischini (PSDB/PR)

  1. Dadá, o araponga criminoso, grampeou ilegalmente minhas mensagens e email, pago por Cachoeira, para ajudar seu amigo Agnelo Queiroz, a quem venho denunciando como envolvido desde que, como deputado federal, ingressei na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados e passei a revelar o malfeito no GDF.
    A leitura atenta destas transcrições do monitoramento da PF revela a preocupação que esta quadrilha tem com minha atuação vigilante aos seus crimes. Nestes monitoramentos feitos pela Polícia Federal, sobre Dadá, Tomé e Carlos Cachoeiras, eles são surpreendidos falando a meu respeito e de meus diálogos com outras pessoas, a partir dos grampos ilegais que fizeram de minhas mensagens e email. Por exemplo: recebi de um jornalista a informação sobre uma falcatrua que o GDF armava para repassar um terreno no DF para o grupo de Cachoeira/Delta. “Nosso Amigo” é como Dadá e os outros bandidos tratavam com ironia este jornalista, que me indicou um servidor de um órgão do meio ambiente no DF, supostamente envolvido nesta armação e que estava sendo corrompido. Noutro exemplo, também com o mesmo jornalista, solicito informações sobre mais um ato de corrupção em contratos da PCDF e peço que ele agende uma reunião com um denunciante. Quanto ao fato de me candidatar por Brasília, nunca pensei nisso. Ainda que não veja nenhum absurdo, já que tenho profundas ligações com Brasília e já morei durante anos na cidade. Aqui me casei, tenho um filho aqui nascido e toda a família de minha esposa aqui reside. Nestes diálogos os bandidos só vislumbram esta possibilidade e o resultado catastrófico contra seus interesses criminosos que é a eleição de um governador que não pertença à quadrilha.
    Nunca vi, nunca tive nenhum contato, não conheço Dadá ou qualquer outro araponga bandido. Qualquer referência neste sentido ou é ignorância ou má fé. Ou pior, está a serviço remunerado da organização criminosa de Carlos Cachoeira.

    Curtir

  2. e não se preocupe, tarso, o francischini terá de processar todos os que leram e compartilharam a reportagem do paulo henrique. ou quem sabe, agredir a todos.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s