Vereadores de Curitiba aprovaram pela primeira vez um projeto de iniciativa popular

Um projeto de iniciação científica da então estudante de direito Karoline Strapasson, hoje já formada, orientanda do professor de Direito Administrativo da PUC/PR, Emerson Gabardo, foi encampado pelo Centro Acadêmico Sobral Pinto – CASP, e se tranformou em projeto de lei de iniciativa popular.

Eis que na terça-feira (4), pela primeira vez em sua história, a Câmara Municipal de Curitiba aprovou esse projeto de lei de iniciativa popular.

O projeto obriga os Conselhos de Políticas Públicas do Município de Curitiba prestem contas de suas atribuições, com publicação na internet de suas metas, objetivos, atividades, realizações e do balanço de receitas e despesas.

Parabéns à bacharel, ao meu amigo professor e ao CASP, do qual fui presidente entre 1996-97.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s