Tag Archives: Paulo Henrique Amorim – Conversa Afiada

Pronto socorro de blogueiros! Contribua!

11 abr

No Conversa Afiada do Paulo Henrique Amorim

O Barão de Itararé abre conta para recolher contribuições e ajudar os blogueiros perseguidos pera judicialização da censura

Acessem: www.baraodeitarare.org.br

ABERTA A CONTA DO FUNDO DOS BLOGUEIROS

Banco do Brasil, agência 4300-1, conta corrente número 50.530-7.

Esta é a conta especial para arrecadar recursos para o fundo de apoio aos blogueiros vítimas de processos judiciais e perseguições políticas. Conforme o aprovado na reunião de terça-feira passada (2), na sede do Centro de Estudos Barão de Itararé, este fundo será o pronto-socorro da blogosfera não corporativa. O dinheiro arrecadado será utilizado para cobrir custas de processos e advogados – e não para saldar multas e indenizações anteriores. A definição do apoio caberá à Comissão Nacional dos Blogueiros, eleita em junho passado, no III Blogprog em Salvador, e composta por representantes de 15 estados e mais nove integrantes nacionais. Blogueiros com mais estrutura, que já contam com assistência jurídica, abriram mão do uso do fundo para favorecer os ativistas digitais com maiores dificuldades financeiras.

Para ajudar nas futuras batalhas judiciais, nos últimos dias o Barão de Itararé também promoveu várias reuniões com advogados de renome e entidades de direitos humanos. Todos se comprometeram a ajudar na defesa do blogosfera e da liberdade de expressão, inclusive dando assistência nos processos locais e acompanhando os processos quando eles cheguem às instâncias nacionais. O Barão de Itararé ainda firmou uma parceria com a ONG Artigo 19, especializada na luta pela liberdade expressão, para elaborar o “Mapa da violência contra os blogueiros e ativistas digitais”. O questionário será postado em vários sítios e blogs na próxima semana. Durante um mês, as vítimas de ameaças, violências e processos judiciais deverão preencher o questionário. Na sequência, para garantir maior segurança nas informações, os dados serão checados. A pesquisa resultará num relatório que será encaminhado a ONU e outros organismos internacionais e nacionais.

About these ads

Paulo Henrique Amorin do Conversa Afiada também divulga a multa contra o Blog do Tarso

12 set

O jornalista e blogueiro progressista Paulo Henrique Amorim, do Conversa Afiada, divulgou o post do Escrevinhador Rodrigo Vianna, que apoia o Blog do Tarso que recebeu multa de R$ 106 mil do TRE/PR, clique aqui.

Paulo Henrique Amorim chama Francischini de deputado “obscuro e valentão” ao citar ameaça contra o Blog do Tarso

21 jun

De Paulo Henrique Amorim no Conversa Afiada

JUIZ TEM O DIREITO DE CENSURAR ?
NÃO ! SIM ! VOTE !

Vote na nova enquete do ‘Não e Sim com Paulo Henrique Amorim’.

Beto Richa conseguiu censurar Esmael Morais, pelas mãos da Justiça do Paraná.

Não deixou o Esmael divulgar pesquisas de opinião pública, antes da eleição.

O que talvez o tivesse derrotado.

Um deputado obscuro e valentão do Paraná, com as costas largas na Justiça, se deu ao direito de ameaçar um blogueiro, o Tarso.

O jurista Pontes de Miranda dizia que existe a Justiça e a Justiça do Paraná.

O Requião que o diga.

Lucio Flavio Pinto, do Pará, é outro.

Perseguido por 33 processos.

Em Ilhéus, na Bahia os políticos poderosos atacam o Gusmão na Justiça com mais de dez processos.

Gusmão teve que procurar advogado em São Paulo, porque ali nenhum ousa defendê-lo.

Onde é que nós estamos ?

JUIZ TEM O DIREITO DE CENSURAR ?
Não
A liberdade de expressão é a máxima expressão da liberdade – Ayres Brito.

Sim
A Justiça é uma caixa preta – Lula.

Juiz Pinto do Paraná censura Paulo Henrique Amorim a pedido de Francischini

19 jun

Depois de ameaçar me bater e censurar meu Blog do Tarso com uma notificação extrajudicial, o deputado delegado truculento Fernando Francischini (PSDB) agora conseguiu censurar o jornalista e blogueiro Paulo Henrique Amorim, do Conversa Afiada. Veja o post de Paulo Henrique:

PINTO JR, O JUIZ-CENSOR DO PARANÁ

O ansioso blogueiro pode supor, por exemplo, que não tem o direito de fazer uma critica ao filme “Tropa de Elite”.

O ansioso blogueiro não viu e não gostou

A Censura acabou com o regime militar, não é isso ?
Não, amigo navegante.

O Censor agora é o Juiz.

É o que alimenta, por exemplo, a alma do Daniel Dantas e o bolso de seus 1001 advogados.

Este ansioso blogueiro convive com este problema há algum tempo, como se percebe na aba “Não me calarão”.

Mas, poucas vezes se viu diante de tão inusitada decisão quanto a que acompanhou as duas ações que, com muito orgulho, acaba de receber.

São de autoria de um notável deputado tucano, o policial Francischini, de edificante carreira no Espirito Santo e no Paraná.

Um exemplo de policial a ser seguido !

Acompanha a ação inusitada decisão do Juiz-Censor José Roberto Pinto Junior, da 8a Vara Cível de Curitiba.

Ele exige que um dos posts publicados sobre o exemplar policial seja retirado do ar, sob pena de multa diária.

O que, por si só já é um ato de Censura, uma vez que a ação ainda não foi julgada, mas o Juiz já resolveu interditar , antes de saber quem tem razão, o livre curso da liberdade de expressão.

Com alguma relutância, o ansioso blogueiro seguiu instrução de seu sensato advogado, Dr Cesar Marcos Klouri e fez o que o Juiz-Censor mandou fazer.

A decisão merece uma tese de Doutorado.

A certa altura, diz assim: o réu fica IMPEDIDO de publicar matérias SIMILARES !

Matérias similares !

Quer dizer que, além de calar a boca de um jornalista num texto especifico sobre a ampla e polêmica atuação do deputad , o ansioso blogueiro FICA IMPEDIDO DE TRATAR DE MATÉRIA SIMILAR.

“Similar”.

Os Censores do Regime Militar eram mais precisos.

Ou mais liberais.

O ansioso blogueiro pode supor, por exemplo, que não tem o direito de fazer uma critica ao filme “Tropa de Elite”.

O Conversa Afiada toma a liberdade (se é que ainda dispõe de alguma …) de encaminhar esse provavelmente impróprio post aos doutos Juízes Ayres Britto – gabcarlosbritto@stf.jus.br – e Eliana Calmon – gab.eliana.calmon@stj.jus.br

O Ministro Ayres Britto, como se sabe, determinou ao Conselho Nacional de Justiça que explicasse aos Juízes brasileiros que a “liberdade de expressão é irmã siamesa da Democracia”; que “a liberdade de expressão é a maior expressão da liberdade”; e que Juiz não é Censor.

Sendo assim, o ansioso blogueiro e o blog Conversa Afiada deram cumprimento à ordem do Dr Pinto Junior e esperam que ele receba as recomendações do Ministro Britto e Dra Calmon com boa vontade – e humildade.

Em tempo: o escritório que defende o notável policial tucano é o “Kfouri&Gorski”. Por coincidência, “Kfouri” é o sobrenome que leva Miguel Kfouri Neto, maxima autoridade do Tribunal de Justiça do Paraná.

Paulo Henrique Amorim, cidadão brasileiro, protegido pela Carta de 1988, e que vai continuar a analisar a carreira do deputado e policial Francischini, porque ele não está acima de Lei.

Em razão de notificação extrajudicial, o Blog do Tarso deixa de divulgar um post de ontem

30 mai

Em razão de notificação extrajudicial do deputado federal Fernando Francischini (PSDB), o Blog do Tarso apagou um post com notícia do blog Conversa Afiada, de Paulo Henrique Amorim, sobre o deputado.

Paulo Henrique Amorim vence o banqueiro Daniel Dantas na Justiça

15 mar

Paulo Henrique Amorim no II Encontro Nacional dos Blogueiros Progressistas, em Brasilia, 2011. Foto de Tarso Cabral Violin / Blog do Tarso

Paulo Henrique Amorim vence Dantas no Rio de Janeiro

A juíza Ana Lúcia Vieira do Carmo, da 19ª Vara Cível, do Rio de Janeiro, julgou improcedente ação indenizatória movida pelo banqueiro Daniel Dantas contra o blogueiro Paulo Henrique Amorim.

A juíza considerou que os nove textos em que Daniel Dantas viu-se ofendido — todos publicados em maio de 2011 — não têm grau ofensivo capaz de gerar danos materiais e morais. O número do processo é 0163184-47.2011.8.19.0001.

Os advogados de Dantas informam que irão recorrer. Até o momento, todas as ações entre o banqueiro e o blogueiro no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro foram vencidas por Daniel Dantas, com a condenação de Paulo Henrique Amorim ao pagamento de R$ 200 mil. O processo de execução para cobrança do valor já foi iniciado.

Ao todo, Daniel Dantas move 16 ações contra Paulo Henrique Amorim, todas no Rio de Janeiro, relacionadas a diferentes textos publicados pelo blogueiro nos anos de 2009, 2010, 2011 e 2012.

Leia a sentença: Continuar lendo

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 10.763 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: